Publicidade

Prefeito do Rio agradece a Jesus chegada de novos respiradores
O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, decidiu estender a quarentena na capital até o fim de maio. As restrições decretadas anteriormente para conter os avanços da Covid-19 venceriam amanhã (15).

Ontem, o município comemorou a chegada de 300 respiradores vindos da China. A compra, com valor de 15 mil dólares, será paga em cinco anos.

Nas redes sociais, Crivella publicou um vídeo do momento em que recebe um respirador das mais do piloto que trouxe os equipamentos. O prefeito disse na legenda: “Mais um voo com equipamentos para salvar vidas. Obrigado, Jesus!”

Hospitais de Campanha
O prefeito estima um prazo de até 10 dias para que os hospitais municipais de Campanha estejam em funcionamento pleno para atender pacientes da Covid-19. Até então, estavam abertos com os leitos possíveis porque precisavam da chegada de respiradores.

“Os equipamentos novos são muito importantes nesses hospitais que recebem os casos mais graves. A tomografia, que se faz em 20 segundos, vai mostrar a situação do pulmão e permitir que a doença seja detectada cedo e não alcance a gravidade. Os respiradores são usados para os casos que se tornaram graves”, afirmou o prefeito.

Leitos vazios

Cerca de 900 pacientes aguardam por internação no Estado do Rio. Enquanto isso, Os três hospitais de campanha que são administrados pelo governo do estado estão com 231 leitos vazios. A Secretaria de Saúde do Estado informou que "os leitos dos hospitais de campanha serão ocupados de forma gradativa, seguindo protocolo e preservando profissionais de saúde e pacientes.

A 25ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Rio decidiu ontem (14), aumentar para cinco dias o prazo para que a Prefeitura do Rio e o Governo do Estado coloquem em operação todos os leitos livres existentes nas duas redes para atender os pacientes com Covid-19.