Regina Duarte é acusada de chamar seguranças em entrevista na CNN Brasil Após a constrangedora entrevista da Secretária de Cultura, Regina Duarte, para o telejornal 360º, da CNN Brasil, assessores e seguranças da Secretaria Especial de Cultura chegaram a entrar no gabinete onde a entrevista estava sendo feita, numa tentativa de coagir os jornalistas a interromperem a participação da atriz.

A voz de um dos membros da equipe de Regina chegou a vazar no ar. Em voz alta, um homem dizia que o que estava acontecendo "era uma falta de respeito".

Segundo a equipe da CNN Brasil, desde o início ela estava ciente de que sua participação contaria com intervenções de Reinaldo Gottino e Daniela Lima, âncoras do 360º. Regina, porém, se indignou com as perguntas da dupla e passou a dizer que não tinha sido comunicada previamente, e que só havia aceitado conceder uma entrevista ao jornalista Daniel Adjuto, correspondente de Brasília.

A Secretária chegou a perguntar ao vivo para ele quem eram as pessoas que estavam se metendo na entrevista, que precisou ser interrompida.

Mas o que mais irritou Regina Duarte foi um vídeo da também atriz Maitê Proença, que cobrava de Regina ações de apoio à classe artística neste momento de pandemia. A secretária não quis assistir ao vídeo, dizendo que se tratava de um assunto antigo. O que os jornalistas garantiram que não era e que Maitê havia gravado sua participação no mesmo dia (07).

"Baixo nível isso! Vão colocar fala dela?", questionou Regina, irritada. "Vocês estão desenterrando esse vídeo para quê? O que vocês ganham com isso?", perguntou Regina Duarte.

Pelo Twitter, o âncora Reinaldo Gottino lamentou o episódio. "Maitê Proença fez um vídeo hoje com um pedido, para que Regina Duarte ouvisse os artistas que sofrem com a pandemia. Ela nem quis ouvir a colega de trabalho", lamentou.

NOTA CNN Brasil
Em nota, o canal de notícias lamentou o episódio e disse que a secretária entendeu que o vídeo de Maitê Proença era antigo. "A CNN Brasil esclarece que a secretária da Cultura interrompeu a entrevista exclusiva no final da tarde de hoje, no programa CNN 360º. A interrupção ocorreu quando foi exibido um depoimento da atriz Maitê Proença, solicitado pela emissora no início da tarde de hoje, para debater as questões do setor cultural no Brasil. A secretária entendeu que o vídeo de Maitê se tratava de uma gravação antiga e decidiu então encerrar a sua participação. A CNN lamenta o episódio e reafirma o seu compromisso de sempre ouvir todos os lados."