Procon-RJ fiscaliza aumentos abusivos nos preços de alimentos O Procon Estadual do Rio de Janeiro segue realizando operações de fiscalização com o objetivo de verificar denúncias de aumento abusivo de preços de produtos da cesta básica, tais como alho, arroz, feijão, açúcar e ovos. Como uma das justificativas apresentadas pelos comerciantes varejistas para seus aumentos foram os crescentes custos destes produtos, hoje os fiscais estiveram em quatro atacadistas de alimentos na Zona Norte do Rio e em Nova Iguaçu para apurar esta informação. Um dos locais foi autuado por constatação da abusividade.

Desde o início da pandemia do coronavirus o Procon RJ já fiscalizou mais de 600 estabelecimentos a partir das quase 900 denúncias recebidas. Hoje os fiscais vistoriaram estabelecimentos de outra etapa da cadeia de alimentos, em especial atacadistas que atendem supermercados do Rio.

O fornecedor de alho, LT Borges, foi autuado pois o preço do alho tipo 7 aumentou mais de 38% em abril, no entanto a última compra desse produto foi em fevereiro, ou seja, aumento injustificado já que o valor de custo não aumentou.

No Nova Casbri, fornecedor de alho e ovos, verificou-se aumento nos preços, porém, a empresa alegou que seu fornecedor também aumentou os preços. Para comprovar sua afirmação deverá enviar documentos comprobatórios para a autarquia em 48 horas sob pena de crime de desobediência.

As Indústrias Granfino S.A e a Camil Alimento S.A estão na mesma situação, devendo juntar comprovantes de aumentos de variantes da produção que justifiquem a majoração de preço no prazo de 48 horas para análise do departamento jurídico.

Caso o consumidor identifique um aumento desproporcional, é importante denunciar ao Procon e se possível, fazer o registro fotográfico do objeto da denúncia. Embora o atendimento presencial na autarquia esteja suspenso, seguindo as recomendação do decreto do Governador Wilson Witzel, é possível denunciar pelo WhatsApp no número 21 98104 5445, pelo aplicativo Procon RJ ou pelo site www.procononline.rj.gov.br.