Publicidade

Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica lança campanha de arrecadação de alimentos

A Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica (SBCBM) acaba de lançar em todo o país a campanha "+ Saúde, + Solidariedade" com o objetivo de arrecadar alimentos para as populações mais fragilizadas com o isolamento social e o desemprego causados pela pandemia do Coronavírus. A ideia é engajar os pacientes submetidos a cirurgia bariátrica pedindo a doação como um gesto de gratidão e generosidade trocando quilos perdidos com a cirurgia por quilos de alimentos não-perecíveis ou cestas básicas. Os donativos serão destinados a diversas instituições e comunidades carentes ao redor do país.



"Temos trabalhado há mais de 20 anos combatendo a epidemia da obesidade. Operamos centenas de milhares de pessoas que perderam peso, e ganharam saúde e qualidade de vida. Agora, neste momento, nos sentimos tocados pela fome e pelas dificuldades que milhares de famílias estão enfrentando como consequência dessa outra pandemia do Coronavirus", explica o presidente da SBCBM, Dr. Marcos Leão Villas Bôas.



COMO FUNCIONA

irurgiões bariátricos e os membros das equipes multidisciplinares que atuam no combate à obesidade,membros da entidade, estão sendo convidados a mobilizar seus pacientes e interagir com organizações sociais para coletar e distribuir as doações. Cada Profissional está recebendo em seu consultório ou indicando uma instituição que receberá, armazenará e distribuirá as doações. Estados como Bahia, Sergipe, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Pará, Goiás e Distrito Federal já estão recebendo doações.

PRAZO

 campanha segue coletando alimentos até o dia 30 de maio e a última entrega das doações arrecadadas está prevista para dia inicio de junho. Entre as instituições que deverão receber as doações estão o Grupo de Apoio à Criança com Câncer (GAAC), no Amazonas; Doutores d'Alma, na Bahia; Comunidade Terra do Sol, em Goiás; Defesa Civil de Minas Gerais; além de abrigos, associações e prefeituras de norte a sul do Brasil.

ESTIMATIVA

o Brasil, de 2011 a 2018, mais de 400 mil pessoas foram submetidas à cirurgia bariátrica segundo dados da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e do Sistema de Informações Hospitalares/DATASUS. São pessoas que perderam peso, controlaram doenças associadas à obesidade como a hipertensão e o diabetes e recuperaram a saúde.



Confira a relação completa de pontos de coleta e instituições beneficiadas neste site.