Publicidade

Autoridades do RJ infectadas pelo coronavírus têm sintomas leves

A Prefeitura de Macaé, no Rio de Janeiro, informou que o prefeito, Dr. Aluízio dos Santos, testou positivo para Covid-19, mas está bem e em observação hospitalar. O prefeito é médico neurocirurgião e vem acompanhando de perto todas ações que a administração municipal tem adotado na prevenção da pandemia.



Já o prefeito de Duque de Caxias, Washington Reis, também com Covid-19, segue internado desde sábado (11) no CTI do Hospital Pró-Cardíaco, em Botafogo, Zona Sul do Rio.



Governador manifesta sintomas

O governador do Rio de Janeiro, que na terça-feira (14) anunciou ter sido infectado pelo coronavírus, disse que tem tido febre alta e tosse desde que foi confirmado com a doença. No entanto, ele informou que a tomografia realizada no Hospital Copa D´Or mostrou que seus pulmões não foram atingidos.



Witzel cumpre a quarentena na sua residência, no Palácio Laranjeiras, e afirma que continua trabalhando.



“Continuamos trabalhando, construindo os hospitais de campanha, e os especialistas ainda acham que não é o momento de fazer abertura, para evitar uma grande contaminação. Eu tomei todos os cuidados e, mesmo assim, fui contaminado. Toda a contaminação dessa doença é um risco de vida’, disse o governador em um vídeo divulgado em suas redes sociais.



Secretários infectados

Além do governador, o secretário estadual de Saúde, Edmar Santos, testou positivo para a Covid-19. O resultado saiu na tarde desta quarta-feira (16), um dia depois do anúncio de Witzel. Segundo Santos, os sintomas que vem tendo são leves e que vai continuar à frente da pasta, em home office, isolado da mulher e dos filhos.

Segundo o secretário, ainda há leitos disponíveis de internação para pacientes de Covid-19 e os primeiros hospitais de campanha devem começar a ficar prontos em 1º de maio.



Outro afetado pela Covid-19 foi o secretário estadual de Defesa Civil, Roberto Robadey. Ele também foi diagnosticado com coronavírus. Robadey e Witzel tiveram uma reunião no dia 8 de abril para tratar do plano de combate ao coronavirus.