Publicidade

Trump separou tempo para orar com 700 pastores O presidente Donald Trump e o vice-presidente Mike Pence se juntaram a mais de 700 pastores em uma teleconferência na sexta-feira (27) para orar por força e resistência em meio ao novo surto de coronavírus.

Em uma ligação de uma hora organizada pelo grupo de ativistas conservadores cristãos “Family Research Council”, Trump disse aos pastores que o surto "veio sobre nós de repente".

"[Nós] estávamos melhor do que nunca como país em termos de economia - e, de repente, fomos atingidos por isso", disse Trump ao presidente da FRC, Tony Perkins. "Então tivemos que fechá-lo."

"Na verdade, estamos pagando um preço alto para fechá-lo", continuou Trump. "Nunca aconteceu antes."

"Quero agradecer por orar por nosso país e por aqueles que estão doentes", disse o presidente. "Você faz um trabalho tão incrível. Vocês são pessoas muito inspiradoras. E eu estou com você o tempo todo. Você sabe que você vê o que fizemos pelo direito à vida e todas as coisas pelas quais temos trabalhado tanto juntos. Estive trabalhando com muitas pessoas na chamada. Muitas, muitas pessoas. Tive um tremendo apoio. Mas vamos superar isso. "

Pence disse aos pastores que, quando ele informou Trump de que estava de plantão com os pastores na sexta-feira, Trump perguntou se ele poderia participar, apesar de um cronograma completo.

"Quando eu disse ao presidente que estava falando com todos vocês, [ele] estava no meio de um dia extraordinariamente ocupado. [Mas] ele olhou para mim e disse: 'Eu tenho que encontrar tempo. Eu preciso encontre tempo ", disse Pence aos pastores. [As] orações das pessoas nesta ligação significam [tudo] para ele."

Antes de deixar a ligação, Perkins perguntou ao presidente pelo que ele mais gostaria que as pessoas orassem durante esse período de crise e incerteza. Trump respondeu pedindo aos pastores que orassem pela "saúde" e "força" do país.

Pence disse aos pastores que ele e o presidente "não poderiam estar mais inspirados pela maneira como as comunidades de fé vêm se desenvolvendo".

De acordo com Perkins, Pence falou sobre como as congregações estão mantendo seus bancos de alimentos e encontrando maneiras de trabalhar dentro das diretrizes estabelecidas pelos Centros de Controle e Prevenção de Doenças. Pence também agradeceu às igrejas por oferecerem assistência infantil aos profissionais de saúde na linha de frente da luta contra o coronavírus.

Pence disse que "queremos uma parceria completa com você para compartilhar as melhores práticas novamente".

O secretário de Habitação e Desenvolvimento Urbano Ben Carson também participou da chamada. Segundo Perkins, Carson disse aos pastores que "Deus é misericordioso".