Bolsonaro leva humorista à conversa com jornalistas
O presidente Jair Bolsonaro levou o humorista Marvio Lúcio, caracterizado de Bolsonaro, a sua tradicional conversa com jornalistas. O real mandatário se divertiu ao ver o seu imitador respondendo às perguntas dos profissionais de imprensa.

O expediente usado por Bolsonaro coincidiu  com a divulgação, também hoje, do crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), que ficou aquém do esperado, e menor que os últimos três anos.

Diante das perguntas dos jornalistas sobre o PIB, Bolsonaro  repassava para o comediante, mais conhecido como Carioca:

"Pergunta o que é PIB", para emendar: " Fala que é  ( repercussão  sobre o crescimento do PIB) com o Posto Ipiranga ( se referindo ao modo como ele proprio, Jair Bolsonaro, chama o ministro da Economia, Paulo)".

O comediante chegou à porta do Alvorada antes de Bolsonaro. Desceu de um carro preto vestido de terno e uma faixa presidencial. Perguntou para os jornalistas que estavam na porta do Palácio da Alvorada à espera de Bolsonaro se eles tinham perguntas e ofereceu uma banana aos profissionais –referência a um gesto anterior de Bolsonaro ao interagir com a imprensa.

Momentos depois, Bolsonaro chegou em outro carro acompanhado pelo Secretário de Comunicação do governo, Fabio Wajngarten.

O comediante Márvio Lúcio interpretou o personagem Carioca no programa Pânico. Recentemente ele passou a integrar o quadro do programa Domingo Espetacular, da Record TV. Sua estreia será no próximo domingo (08).