Segurados do INSS começam a receber benefícios com reajuste O INSS começa a pagar hoje (19) os benefícios de fevereiro com o novo valor do salário mínimo de R$ 1.045. Neste primeiro dia do calendário estão aposentadorias, pensões e outros benefícios previdenciários com final de benefício 1. Amanhã, recebe quem tem final 2 e na sexta-feira os segurados de número 3. Os pagamentos darão uma parada no Carnaval e dia 27 será retomado com o as inscrições finalizadas em 4. O calendário para quem recebe o piso previdenciário vai até 6 de março.

Esse é o primeiro mês com o novo valor. Os beneficiários que recebem um salário mínimo tiveram reajuste nos valores referentes a janeiro, de R$ 998 para R$ 1.039 - e agora em fevereiro tiveram nova correção. De acordo com o governo, o objetivo do novo reajuste foi evitar perdas inflacionárias.

E por que um mínimo e dois valores diferentes? O governo ao fixar o valor do salário mínimo em R$1.039 se baseou na projeção do mercado financeiro para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) do ano passado. O indicador que serve de base para o cálculo do salário mínimo ficaria em 3,86%. No entanto, posteriormente, o IBGE informou que o INPC foi de 4,48%, ou seja, acima do percentual previsto. Com isso, na prática, o reajuste do mínimo para R$ 1.039 ficou abaixo da inflação.

Com o novo reajuste, também subiu para R$ 1.045 o piso para os benefícios pagos pela Previdência Social. Pela lei, aposentadorias, auxílio-doença, auxílio-reclusão e pensão por morte pagas pelo INSS não podem ser inferiores a 1 salário mínimo.

Para os beneficiários que recebem acima do mínimo, não houve novo reajuste. O aumento concedido já foi de 4,48%, elevando o teto dos benefícios do INSS de R$ 5.839,45 para R$ 6.101,06 a partir de janeiro de 2020.