Ouça aqui a Rádio Melodia!

Cratera se abre e 'engole' veículos deixando um morto A chuva que atingiu praticamente todo o estado de São Paulo neste começo de semana causou a morte de uma pessoa em Júlio Mesquita, município da região de Marília a 433 quilômetros a noroeste da capital paulista. No local, uma cratera na Rodovia Leonor Mendes de Barros (SP-333) e um caminhão e um carro foram 'engolidos' pelo buraco.

O acidente aconteceu ontem e, em princípio, a polícia percebeu que um caminhão havia sido ‘engolido’ e resgatou o motorista. Mas nesta terça (11), quando a água abaixou, a polícia e o Corpo de Bombeiros perceberam que um carro também havia caído no buraco e que havia uma pessoa morta. A rodovia foi interditada em ambos os sentidos.

A concessionária que administra a rodovia confirmou a morte do funcionário, que estava trabalhando e que um carro da empresa caiu na cratera. Ainda conforme a empresa, um duto de água que passa sob a rodovia cedeu e causou o desabamento da pavimentação.

Um dia antes, um acidente parecido foi registrado na Rodovia Marechal Rondon (SP-300), em Botucatu (SP). Um caminhão caiu no buraco aberto na pista, que continua interditada nos dois sentidos no quilômetro 258. O motorista foi encontrado morto a cerca de 1 quilômetro do lugar onde caiu.

Em Botucatu, um caminhão também caiu em uma cratera aberta na Rodovia Marechal Rondon (SP-300), na segunda-feira (10)