Bolsonaro foi uma das 170 atrações do The Send Só vai! Esta foi a mensagem que o congresso The Send deixou neste sábado (08) para o Brasil. Após mais de 12 horas de louvores, testemunhos, ministração e oração, as cerca de 200 mil pessoas que compareceram ao evento realizado simultaneamente nos estádios do Morumbi, Arena Allianz Parque e Nacional de Brasília receberam a mensagem profética de envio.

Assim como ocorreu em 2016, em Los Angeles, quando 70 mil pessoas tiraram seus sapatos no evento conhecido como Azusa Now, os participantes do The Send Brasil também se puseram descalços em sinal de aceitação ao chamado de Deus para ir às nações e anunciar as maravilhas do Eterno. O convite foi feito por por Andy Byrd, líder da Jocum (Jovens Com Uma Missão) no Havaí, Estados Unidos.

Público e mensageiros que ainda estavam no palco do estádio do Morumbi ergueram seus calçados em um ato profético.

Foram cerca de 170 atrações nacionais e internacionais, que se revezaram nos três estádios. Um ajuntamento histórico que foi prestigiado pelo presidente da República. Bolsonaro deu uma breve palavra no estádio de Brasília.

“O Brasil mudou. Palavras antes proibidas começaram a se tornar comuns: Deus, família, pátria”, disse Bolsonaro afirmando ainda que “o estado é laico, mas Jair Bolsonaro é cristão”. Após cerca de 5 minutos de mensagem, o presidente recebeu orações e não conseguiu segurar as lágrimas.

Entre os momentos mais marcantes, podemos citar ainda a ministração do pastor Randy Clark, fundador e presidente da Global Awakening, além de escritor e palestrante, com sua mensagem sobre batismo e dons do Espírito Santo.

Ele chegou a pedir que pessoas enfermas pusessem as mãos sobre a parte do corpo que necessitava de uma intervenção divina e depois orassem por cura. Ao fim da oração, Clark pediu para que aqueles que tivesse recebido a cura, acendessem a lanterna de seus celulares. O que pode ser ver foi um estádio iluminado por luzes de celulares.

O The Send é um desdobramento do The Call, que surgiu há 18 anos nos Estados Unidos. Ele é organizado e promovido pela The Send House of Prayer, que tem "o propósito de despertar a Igreja para jejum e oração". A agenda do evento é formada por shows, palestras, cultos e workshops para a formação de missionários.

A próxima parada do The Send será na Argentina, em abril.