Publicidade

Flordelis entra em contradição em novo depoimento A Deputada Federal Flordelis afirmou que Flávio dos Santos Rodrigues, seu filho biológico e acusado de assassinar o pastor Anderson do Carmo, não estava na cena do crime no momento em que os tiros foram disparados. A nova versão apresenta uma contradição.

A parlamentar, que também é pastora e cantora, prestou depoimento na tarde de ontem (05), dia do seu aniversário, em Brasília, em uma audiência fechada, já que o processo corre sob segredo de Justiça.

No dia 24 de junho, ela havia afirmado à Polícia Civil que o filho teria chegado ao terceiro andar da casa, onde ela estava, depois do barulho dos tiros.

Em um primeiro depoimento, no dia 16 de junho, horas após o crime, Flordelis não citou onde Flávio estava no momento do crime. Na mesma semana, o filho de Flordelis foi ouvido pela Polícia Civil e confessou ter matado o padrasto. A defesa quer anular o depoimento dado naquela ocasião.

Flordelis é testemunha de defesa de Flávio Desde o final do ano passado, a parlamentar e o filho são defendidos pela mesma equipe de advogados.

Segundo o advogado Angelo Máximo, que representa a família de Anderson do Carmo, Flordelis afirmou durante a audiência que desconhecia o teor dos depoimentos prestados à Polícia Civil. O fato, segundo o defensor, caracteriza contradição.