Publicidade

Na Argentina, Bolsonaro alerta para o surgimento de novas

Em visita oficial à Argentina nesta quinta-feira (6) presidente da República, Jair Bolsonaro, disse que há uma preocupação na América do Sul com a possibilidade de surgirem “novas Venezuelas” na região.



Durante discurso em Buenos Aires, ao lado do presidente argentino, Mauricio Macri, Bolsonaro fez um apelo para que os argentinos sejam mais racionais e menos emocionais ao votarem na eleição presidencial deste ano no país.



“Eu acho que toda a América do Sul está preocupada que não tenhamos novas Venezuelas na região. Devemos nos preocupar e tomar decisões concretas neste sentido”, disse Bolsonaro.



Macri tentará a reeleição no pleito de outubro, quando terá como principal adversário Alberto Fernández, ex-chefe de gabinete da Presidência e que tem como candidata a vice a ex-presidente Cristina Kirchner.



“Que Deus abençoe o povo argentino para esse momento que se aproxima, para que possa escolher o melhor, porque dessa forma teremos paz, teremos prosperidade e alegria entre os nossos povos”, acrescentou o presidente brasileiro.



Bolsonaro está em companhia da primeira-dama, Michelle Bolsonaro. Juntos, eles participaram da cerimônia de Oferenda Floral, no Hall da Memória, localizado no Yad Vashem, Centro Mundial de Memória do Holocausto.