No Recife, lei institui Dia da Reforma Protestante O prefeito do Recife (PE), Geraldo Julio de Mello Filho, sancionou a lei que institui o dia 31 de outubro como o Dia da Reforma Protestante. Mesma data do tradicional “Dia das Bruxas”, uma celebração importada que se refere ao Halloween.

O projeto de lei aprovado é de autoria da vereadora missionária Michele Collins (PP) que lembra o dia em que Martinho Lutero criou as 95 teses que deram origem à Igreja Protestante.

“Confiando no poder de transformação através da Palavra, Martinho Lutero criou as 95 teses, documento essencial da reforma, afixada na Catedral de Wittenberg, que mais a frente resultou na criação de várias igrejas, sendo todas elas declaradas fora da autoridade do papa”, escreveu.
Com a decisão do prefeito, a data passa a integrar o Calendário de Eventos do Município do Recife.

No entanto, a data é mundialmente celebrada pelos Luteranos, membros das igrejas cristãs que se originaram a partir da Reforma Protestante, iniciada por Martinho Lutero. No Brasil, os evangélicos pertencem a uma ramificação da igreja cristã Protestante.

O Dia da Reforma, como também é conhecido, é feriado nacional na Escócia e em alguns estados da Alemanha.