Saiba como se proteger de golpes pelo WhatsApp Um novo golpe tem feito vítimas entre anunciantes da OLX, Mercado Livre e outras plataformas similares. Pessoas mal intencionadas vêm usando engenharia social para roubar contas do WhatsApp e pedir dinheiro aos seus contatos.

Para se proteger, é importante ativar a autenticação de dois fatores e nunca revelar seu código de verificação para terceiros.

O golpe funciona assim: o criminoso encontra seu número de celular na internet e finge ser do OLX ou Mercado Livre; pode ser enviando uma mensagem através do WhatsApp ou fazendo uma ligação. Ele pede um código de verificação enviado por SMS, alegando que isso é necessário para manter o anúncio ativo.

Esse código de verificação, na verdade, é enviado pelo WhatsApp. Em posse dos seis dígitos, o golpista consegue acessar sua conta em outro dispositivo e se passar por você. Então, ele pede dinheiro aos seus contatos.

Para fugir deste tipo de golpe, há duas recomendações importantes:
• Ative a autenticação por dois fatores, para que sua conta seja protegida por uma senha adicional, evitando possíveis invasões;
• nunca divulgue o código de verificação do WhatsApp — inclusive, o SMS até menciona o aviso “Nao compartilhe este codigo”.
Se sua conta já tiver sido roubada, entre em contato com a equipe de atendimento através do e-mail support@whatsapp.com.

Vale lembrar que existe outro golpe semelhante e mais sofisticado: o “SIM swap”, conhecido informalmente como “clonagem”. Nele, o criminoso consegue transferir sua linha telefônica para outro chip, receber o código de verificação e usar sua conta do WhatsApp. Neste caso, a autenticação por dois fatores pode impedir a invasão.