Transgênero aceita sexo biológico após decidir seguir a Jesus

Kathy Grace Duncan professou sua fé em Cristo aos vinte anos e acabou renunciando ao seu estilo de vida transgênero. Ela viveu como homem durante 11 anos até finalmente aceitar seu sexo biológico.



Ela diz que agora quer ajudar as pessoas em uma situação semelhante a entender “quem Deus as criou para ser”.



Desde criança, Kathy Grace acreditava que havia nascido no corpo errado. Aos 19 anos, ela sentiu que sua única opção era “fazer a transição” para o sexo masculino. No entanto, depois de ser convidada para um grupo de jovens, Kathy professou sua fé em Cristo.



Ela inicialmente continuou a viver como homem; sua igreja desconhecia sua verdadeira identidade. Mas depois de ser desafiada pelos irmãos em Cristo, ela admitiu que era “uma mulher vivendo como homem”.



Kathy percebeu que precisava ser “a mulher que Deus me criou para ser“. Ela teve tratamento médico para reverter algumas das mudanças anteriores.



Agora faz 26 anos que deixou de viver como homem. Ela agora diz: “Eu realmente quero ajudar os outros a entender quem eles são. Não quem eles podem acreditar falsamente que são, mas quem eles realmente são, como Deus os criou para serem."



No início deste mês, uma pesquisa revelou que centenas de jovens que ‘fizeram a transição’ de um sexo para outro lamentam sua escolha.



Charlie Evans nasceu do sexo feminino, mas viveu como se fosse homem por quase uma década, antes de aceitar seu verdadeiro sexo e ‘se desintegrar‘ no ano passado.



Depois de ir a público, ela foi contatada por centenas de jovens adultos que duvidam da decisão de mudança de sexo, mas precisam de redes de apoio para ajudá-los.