Vaticano tenta atrair jovens com rosário digital Em mais uma tentativa de recuperar espaço perdido para os protestantes e atrair fieis jovens, o Vaticano lançou um terço digital. O eRosary é uma pulseira formada por uma cruz sincronizada com um aplicativo (Click to pray eRosary) e uma dezena do terço.

Feita de ágata e hematita, ela é acionada a partir do sinal da cruz e registra o progresso do usuário nas rezas. Além disso, permite o acesso a um guia de áudio, imagens e informações sobre elas.

A pulseira dá também diferentes possibilidades para rezar o rosário — da forma tradicional à sugestões temáticas, atualizadas anualmente. Dessa forma, serve tanto para quem já tem o hábito, como ensina os que querem começar a praticar a tradição católica.

Mas o católico que quiser aderir à modernidade terá que desembolar a bagatela de 99 euros (o equivalente a cerca de 460 reais)