Esposa de Justin Bieber diz que cristão pode celebrar o Halloween e é repreendida A modelo e recém-casada Hailey Bieber defendeu suas opiniões sobre a comemoração do Dia das Bruxas em resposta a uma fã que a chamou de "cristã falsa" depois que ela solicitou comentários sobre o traje que deveria usar este ano.

Bieber pediu a seus seguidores no Instagram ideias de fantasias de Halloween e postou algumas fotos de seus trajes anteriores para mostrar como ela se vestia no passado.

"Você não é cristão?" uma fã perguntou à modelo.

"Sim. Eu ainda me visto para o Halloween", respondeu Bieber.

Muitos crentes não participam do Halloween porque o veem como uma celebração secular do mal e do paganismo.

A senhora Bieber compartilhou outro comentário que recebeu de uma seguidora que a criticou por ser uma "falsa cristã".

Bieber responde acrescentando: "Nossos filhos também vão comemorar".

Enquanto 21% dos cristãos tentam evitar celebrar o Dia das Bruxas, de acordo com uma pesquisa da LifeWay Research de 2015, a maioria (59%) acredita que "está tudo bem". Enquanto isso, 14% disseram que tentam evitar os elementos pagãos.

Os católicos (71%) são mais propensos do que os protestantes (49%) a dizer "tudo se diverte". É mais provável que os evangélicos evitem o Halloween completamente (28%) ou seus elementos pagãos (23%).

O marido da modelo, Justin Bieber, postou recentemente um vídeo de paródia do comediante Kevin A. Frederick repreendendo as roupas de Halloween, algo com o qual a estrela pop disse que estava familiarizado por causa de sua educação na igreja.

Fredericks é um artista popular, conhecido nos círculos cristãos por sua comédia como "Kev on Stage". Em 2016, ele lançou um vídeo de si mesmo andando por uma loja de festas, falando em línguas e apontando para fantasias de Halloween enquanto expulsava demônios das decorações assombradas.

"Isso só fará sentido se você cresceu na igreja", escreveu Justin no Instagram para seus 100 milhões de fãs enquanto compartilhava o vídeo.

O vídeo mostrava Fredericks "cancelando a designação" de Satanás em nome de Jesus.

O cantor de "Sorry" achou o vídeo divertido e disse que é por causa de sua formação cristã.

"Isso é engraçado para mim porque eu cresci na igreja", observou Bieber.

"Lembre-se de que existem pessoas como essa haha, essa é uma boa paródia."

Muitos dos seguidores de Bieber acharam o clipe igualmente hilário e até compartilharam as restrições que eles tinham como cristãos em celebrar o Halloween ou coisas consideradas más para um público baseado na fé.

Alguns de seus seguidores disseram que não eram capazes de assistir ou ler o material de Harry Potter, outros revelaram que não tinham permissão para enganar, tratar ou se vestir para o feriado. Outros disseram que gostavam de ficar em casa longe da escola ou que eles mesmos andaram pelas lojas de festas da mesma maneira que Fredericks.