Fundador da Jocum fala do desafio de tradução da Bíblia para mais de 600 línguas

Após participar ao longo da semana do congresso Call2One, o fundador da Jocum (Jovens Com uma Missão), Loren Cunningham, foi o mensageiro nos dois cultos da sede da Igreja Batista Atitude, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Aos 83 anos, ele contou sobre o seu chamado e o desafio atual: levantar obreiros para traduzir a Bíblia em 639 idiomas onde ela ainda não está disponível. Nesses 59 anos desde a fundação da Jocum, os sonhos de Cunningham são cada vez mais reais. Ao contar sobre sua missão, ele mostrou à igreja o quanto muito mais é possível aos que creem em Deus e confiam suas vidas Nele.



Cunningham tinha apenas 20 anos quando recebeu uma visão de Deus. Nela, o Senhor lhe mostrou que milhões viriam a Cristo através do trabalho de jovens. Ao receber Cunningham, o pastor presidente da Atitude, Josué Valandro Júnior, descreveu o momento como “histórico”.



“Este dia entrou para a história da Igreja Batista Atitude. Tivemos momentos preciosos com o pastor Loren Cunningham”, disse Valandro.



O convidado trouxe a mensagems “Jesus está vencendo”, com reflexão bíblica em Isaías 9. 6-7 e Habacuque 2.14.



“Confie naquilo que o Senhor te prometeu e não no que você é capaz de realizar. Saiba que onde tem presença de Deus, tem poder do Espírito Santo. E onde tem unção do Senhor, o propósito de vida é revelado”, disse Cunningham em sua mensagem.



Cunningham desafiou a igreja a abraçar o projeto de tradução da Bíblia para mais de 30 línguas no Brasil que ainda não têm a Palavra de Deus em seu próprio idioma. Ele esperar concluir este desafio no Natal de 2020, como um presente ao Senhor Jesus.