Campeão mundial vira redator de revista gospel

Olivier Giroud, atacante do Chelsea e campeão do mundo pela França em 2018, diz aproveitar todas as oportunidades que surgem para falar de sua fé em Jesus Cristo.

O jogador francês concedeu uma entrevista ao jornal Le Figaro e expressou sua convicção de que todos devem ouvir a mensagem do Evangelho: 



“Eu tento falar sobre minha fé sempre que posso. Sinto que preciso usar o espaço que tenho na mídia para falar sobre meu compromisso com Jesus Cristo e os problemas que me preocupam”, declarou.



Giroud, que disputa a Premier League e a Champions League na atual temporada, acrescentou que foi por isso que aceitou ser o redator da revista Jesus de setembro. Capa da publicação, neste dia 30 de setembro, Olivier Giroud completa 33 anos. Na capa da revista mencionada, uma foto sua é acompanhada da manchete que o relaciona à idade em que Jesus foi crucificado: “33 anos, a idade de Cristo”.



O jogador também confirmou que participou de um evento para ajudar os cristãos perseguidos: “Organizamos um evento de gala em Londres recentemente para beneficiar cristãos perseguidos em todo o mundo. Foi muito bom”, contou, demonstrando alegria por poder contribuir.



Giroud disse que esse tipo de ação “é incomum no mundo do futebol, mas às vezes quando vou à igreja as pessoas me chamam para ajudar. Tudo é feito de maneira humilde e discreta, e é algo que significa muito para mim”, explicou o atleta.



Falando especificamente sobre futebol, que tem vivido dias em que há tensões nos estádios por problemas sociais, o atacante afirmou que há necessidade de marcar posição: “Quando vejo o que está acontecendo no futebol hoje em dia – racismo, cantos homofóbicos – me faz querer me posicionar e dizer ‘parem’”, finalizou.