Evangelismo alcança moradores da Rocinha

Quase sempre vista no noticiário mundial como local de conflitos entre facções criminosas, a comunidade da Rocinha esconde em suas vielas um povo que cresce nos caminhos do Senhor. O número de igrejas plantadas na maior favela da América Latina, na Zona Sul do Rio de Janeiro, é cada vez maior e traz com ele não só a promessa de vida, mas também mudança de vida imediata aos seus moradores. Uma destas organizações é a  Igreja Cristã Maranata (ICM) estabelecida no local.



A ICM foi consagrada a Deus em março deste ano, localizada na Rua Um, após um trabalho de evangelização na cidade. Agora, após seis meses, foi adquirido mais um templo pela ICM, situado na Rua Cachopa dessa comunidade. Para glorificar a Deus pela expansão da obra, membros da igreja se reuniram em culto de consagração do novo espaço no último fim de semana. Eles aproveitaram a oportunidade para realizar mais um trabalho de evangelização.



O evangelismo foi realizado no sábado (21) por aproximadamente 120 pessoas que saíram às ruas com a finalidade de convidar os moradores da região para o primeiro culto na segunda ICM da Rocinha. Após esse trabalho, a igreja registrou 36 visitantes naquela noite e, segundo o pastor Valter Babo, “vidas se definiram na presença do Senhor”.



O pastor atualmente responsável pelas igrejas da Gávea e Rocinha, Edilson Silva, relatou uma das experiências vividas no domingo pela manhã:



“Entre os visitantes, teve um homem que foi abordado dez minutos antes do culto, quando um grupo de jovens estava na porta da igreja evangelizando e trazendo os convidados. Esse homem ficou ali assistindo, ouviu a forma como nós cantávamos e, no final, ele disse que era músico. Ele chegou próximo aos instrumentos e os irmãos começaram a solar o hino ‘Hoje eu descobri’ e esse homem começou a se quebrantar. Ele disse que ouviu muito aquele louvor na época em que ia para a igreja. O Senhor começou a falar com ele que aquele era o tempo de reconstrução, de restauração na vida dele. Aquele homem confessou aceitar o Senhor Jesus como único e suficiente salvador naquela manhã. No culto da tarde a esposa dele foi ao culto e ficou muito quebrantada”, contou.