Bolsonaro anuncia participação em desfile do 7 de Setembro em Copacabana Durante convenção nacional do partido Republicanos, neste sábado (30), o presidente Jair Bolsonaro anunciou sua participação no desfile cívico-militar do 7 de Setembro, em Copacabana, zona sul do Rio de Janeiro. No mesmo dia, pela manhã, o mandatário participará da cerimônia pelos 200 anos da Independência do Brasil em Brasília.

"Nós queremos, pela primeira vez, inovar no Rio de Janeiro. Às 16h do dia sete de setembro, pela primeira vez, nossas Forças Armadas e as nossas irmãs forças auxiliares estarão desfilando na praia de Copacabana ao lado de nosso povo", declarou durante a convenção nacional do Republicanos, realizada em São Paulo.

No 7 de Setembro, o presidente estará pela manhã em Brasília, depois seguirá para a celebração no Rio de Janeiro. "Vamos mostrar que nosso povo, mais do que querer, tem o direito e exige paz, democracia, transparência e liberdade", disse convocando a população para o ato.

Em seu discurso, Bolsonaro disse que, todos os dias, pede a Deus para que o povo "não experimente as dores do comunismo". "O que está em jogo em nossa pátria é uma nova forma de mandar no povo, e não de comandar como vocês estão vendo, até o presente momento, comigo na presidência", afirmou.

Apoio à reeleição
A convenção do Republicanos serviu para oficializar o apoio da legenda à chapa de candidatura de Bolsonaro à reeleição. A convenção ocorreu na zona norte da capital paulista, no Expo Center Norte. Na ocasião, foram confirmadas outras candidaturas do partido como a do ex-ministro Tarcísio de Freitas para o governo do estado de São Paulo.

“Nesses três anos e meio, esse homem que comandou o Brasil foi vítima de muitas mentiras. Teve toda imprensa tradicional do país contra ele. Cada mentira que falarem, vamos falar a verdade. A bandeira do Brasil jamais será vermelha", destacou o presidente nacional do Republicanos, Marcos Pereira.

Em seu discurso, o presidente da República falou sobre sua gestão e lembrou da votação que recebeu na eleição de 2018. “Não existe qualquer acusação de corrupção orgânica em nosso governo. Isso não é virtude, é obrigação. Eu não tive 58 milhões de votos em 2018. Eu tive 58 milhões de pessoas que acreditaram em mim. Vocês não são mercadoria, são brasileiros, o eleitor não pode ser visto, a cada ciclo [eleitoral], como mercadoria”, destacou.

Perfil
Jair Messias Bolsonaro é militar reformado, capitão do Exército. É o 38º presidente do Brasil desde 1º de janeiro de 2019. Foi deputado federal pelo Rio de Janeiro entre 1991 e 2018. Nasceu em 1955, no município de Glicério, no interior do estado de São Paulo, mas morou em várias cidades paulistas. Formou-se na Academia Militar das Agulhas Negras em 1977. Posteriormente, serviu nos grupos de artilharia de campanha e paraquedismo do Exército. É pai de cinco filhos.

Walter Souza Braga Netto nasceu em Belo Horizonte em 1957. Militar da reserva, alcançou o posto de general de Exército. Entre fevereiro de 2018 e janeiro de 2019, chefiou a intervenção federal no Rio de Janeiro. Foi comandante Militar do Leste até fevereiro de 2019, quando assumiu a chefia do Estado-Maior do Exército. Em fevereiro de 2020, assumiu o cargo de ministro-chefe da Casa Civil. Em março de 2021, foi nomeado Ministro da Defesa.