Famoso diretor de Hollywood incentiva Chris Pratt a se 'manter firme em Jesus' O premiado diretor Andrew Erwin usou as redes sociais para encorajar o ator Chris Pratt, que recentemente disse que sua fé em Deus tem menos a ver com a religião feita pelo homem e é mais sobre sua própria caminhada com o Senhor.

Erwin foi ao Instagram este mês para apoiar Pratt depois que o astro de Hollywood recebeu críticas por dizer que ele "não é uma pessoa religiosa".

Erwin compartilhou uma foto da capa da revista “Men's Health”, que mostrou Pratt segurando o que parece ser uma cerveja e uma espátula de churrasco. Ele chamou de "grande entrevista".

"Realmente admiro como esse cara representa a verdade no amor", escreveu o cineasta. "Usa sua plataforma para apontar as pessoas para um Deus muito real, não para a religião. Eu acho que a crítica de ambos os lados, muitas vezes, é o sinal de que você está fazendo algo certo, não errado."

Erwin é um dos irmãos da bem-sucedida dupla cristã de cinema The Erwins Brothers e é conhecido pelos filmes de sucesso de Hollywood "American Underdog" e "I Can Only Imagine".

Pratt enfrentou críticas na grande mídia ao longo dos anos por uma suposta associação com a filial de Los Angeles da megaigreja global Hillsong, com sede na Austrália, que enfrentou vários escândalos nos últimos anos.

Em sua entrevista, o artista esclareceu que "nunca foi à Hillsong".

"Eu nunca estive em Hillsong. Não conheço ninguém daquela igreja", compartilhou o ator de 43 anos.

Em 2019, a atriz Ellen Page criticou Pratt por frequentar a "infame e anti-LGBTQ" Hillsong Church, em Los Angeles.

Page é uma estrela de Hollywood biologicamente feminina que agora se identifica como homem e adotou o nome masculino Elliot.

Pratt frequenta a Igreja Zoe, liderada pelo pastor Chad Veach. No momento da reação, ele esclareceu que sua igreja "abre suas portas para absolutamente todos".

Em seu post, Erwin disse que visitou a Igreja Zoe e conhece o pastor Chad Veach.

"Ambos são super sólidos", escreveu Erwin sobre Pratt e Veach.

"Continue defendendo Jesus, Pratt. Atrás de você 100%", declarou Erwin.

Na entrevista para a reportagem de julho/agosto da Men's Health, Pratt afirmou que, embora muitos o conheçam por ser cristão, ele "não é uma pessoa religiosa" e acredita que a religião tem sido "opressiva".

Pratt disse que ele não frequenta a Igreja Zoe exclusivamente e disse que sua filha foi batizada em uma igreja católica em Santa Monica que sua esposa, Katherine Schwarzenegger, frequentava quando criança.

O ator de "Guardiões da Galáxia" disse que achou incrível que ele se tornou o "rosto da religião" na grande mídia.
O pai de três filhos disse que sua relação com Deus é mais pessoal.