Polícia Militar salva família do poder de criminosos e apreende dois fuzis em Niterói Na manhã desta quinta-feira (07), equipes do 12º BPM realizavam policiamento pelo Morro do Estado, no Centro de Niterói, quando colheram informações sobre criminosos que faziam uma família refém em uma casa na Rua Padre Anchieta. Em rápida ação de cerco, os policiais isolaram o local e negociaram a rendição dos sequestradores. Dois marginais foram presos e, com eles, dois fuzis foram apreendidos. Foram resgatados um homem, uma mulher, uma idosa e uma adolescente, que estariam em poder da dupla desde a última sexta-feira (01).

Os dois presos integravam a liDerança do crime organizado na região e tinham participação ativa em uma disputa territorial pelo controle de serviços e do tráfico de entorpecentes no Morro do Estado. A dupla utilizava a residência da família feita refém como esconderijo diante da investida de um bando rival na comunidade.

Com extensa ficha criminal, os dois marginais somam 50 anotações por roubo e 20 mandados de prisão em aberto por crimes diversos, que vão de Homicídio a Tráfico de Drogas. Um deles, conhecido como "Daca", possuía 11 mandados e era o principal chefe do crime organizado na região. Seu comparsa, conhecido como "100 Mil", possuía outros nove mandados em seu desfavor.

A ocorrência foi registrada na 76ª DP (Centro de Niterói).



*Foto: Divulgação / PMERJ