Tiroteio deixa seis mortos em Chicago durante comemorações da Independência dos EUA

Seis pessoas foram mortas no subúrbio de Highland Park em Chicago, nos EUA, depois um tiroteio em um desfile do Dia da Independência. Cinco morreram no local e uma no hospital.

Highland Park disse em um comunicado nessa segunda-feira (04) que 16 pessoas foram transferidas para o hospital e seis foram confirmadas como mortas.

"As agências de aplicação da lei estão procurando o suspeito; evidências de uma arma de fogo foram recuperadas. Vários policiais estão respondendo e garantiram um perímetro ao redor do centro de Highland Park", disse a administração da cidade em seu site.

O tiroteio fez centenas de participantes do desfile – alguns visivelmente ensanguentados – fugirem, com muitos deixando para trás cadeiras, carrinhos de bebê e cobertores.

O jornal Chicago Sun-Times informou que o desfile começou por volta das 10h local, mas foi subitamente interrompido 10 minutos depois que tiros foram disparados.

A polícia disse às pessoas: "Todos se dispersem, por favor. Não é seguro estar aqui.

A prefeita de Chicago, Lori Lightfoot, disse que "a tragédia que se desenrola em Highland Park é devastadora".

"Estive em contato com a prefeita [Nancy] Rotering e ofereci nosso apoio, e o Departamento de Polícia de Chicago está prestando assistência. Estamos de luto com as famílias dos mortos e feridos, bem como com toda a comunidade de Highland Park", tuitou.





Foto: Reprodução / Twitter