Empresas japonesas incentivam a soneca no trabalho

No Japão, empresas estão incentivando os funcionários a tirar uma soneca na hora do almoço. O intuito é diminuir a quantidade de trabalhadores exaustos.



Segundo dados da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), os japoneses têm a menor média de sono do mundo: 442 minutos por dia.



Em países como Grã-Bretanha, Espanha, Estados Unidos, China e França, a média supera 500 minutos.



Para combater o cenário de esgotamento, em abril o governo japonês aprovou uma lei que limita a 45 horas mensais a quantidade de horas extras dos empregados. Em paralelo, as empresas vêm criando instalações para que os funcionários durmam durante os intervalos.



O padrão de sono sofre mudanças constantes no decorrer da vida. Em recém-nascidos, o tempo total de sono é de cerca de 16 horas.



Com o passar dos anos, esse tempo diminui e, em idosos, pode ser apenas cinco horas. Dormir pelo tempo recomendado para cada faixa etária melhora a atenção, memória, comportamento, aprendizagem e controle emocional.