Publicidade

Projeto para dobrar o período de validade da CNH será apresentado esta semana Em suas redes sociais, o presidente Jair Bolsonaro prometeu apresentar esta semana o projeto de lei para passar de 5 para 10 anos a validade da Carteira Nacional de Habilitação e passar de 20 para 40 pontos o limite para perder a CNH. Mais uma vez, o presidente aproveitou para criticar os radares eletrônicos que, segundo ele, fazem parte da “indústria da multa”.



O presidente disse ter consultado Rodrigo Maia sobre se poderia mandar as alterações via medida provisória.



“Ele falou que o projeto de lei é melhor. Devemos segunda ou terça-feira apresentar”, disse Bolsonaro.



Ao citar o aumento do período de validade da carteira, Bolsonaro disse saber que “as clínicas de psicologia ficarão chateadas com ele”, se referindo aos exames psicotécnicos pelos quais os motoristas precisam pagar no processo de renovação da carteira.



Sobre o fim dos radares eletrônicos, Bolsonaro afirmou que o objetivo dos radares não é preservar a vida.



“Porque se fosse, como justifica Copacabana, Leme, Leblon, 70 por hora? Aterro do Flamengo, 90 por hora? Como justifica isso aí? É para meter a mão no bolso do motorista. Só isso”, comentou.