Mãe chora a perda do filho morto pelo próprio pai em um acidente de trânsito

"Não existe ninguém forte quando se trata do luto pela perda de um filho". Essa é a frase que estampa a capa do Facebook de Erika Kuasne, que na última sexta-feira perdeu seu filho Matheus Gabriel Kuasne Oliveira, de 9 anos, em um acidente de carro provocado pelo próprio pai da criança que não aceitava o fim do casamento. 



Marco Antonio Alves, de 45 anos, mandou o filho, Matheus Gabriel Kuasne Oliveira, de 9 anos, gravar um vídeo e enviar para a mãe. Na gravação, o menino dizia aos prantos: "Adeus, mãe". Erika Kuasne pediu socorro na delegacia. Mas não deu tempo. Pouco depois seria avisada de que o filho e o ex-marido morreram em um grave acidente na PR-445, em Londrina, no norte do Paraná.



Inconformado com a separação do casal há 3 anos, Marco pegou o filho e, durante horas, enviou mensagens com ameaças.



Erika mostrou aos policiais mensagens em que o filho se despede e as ameaças do ex-marido. 

“Minha decisão foi tomada, não volto atrás. Ia ser você, mas aqui vai doer mais para ti”, escreveu o homem uma hora antes do acidente.



O motorista da carreta contou que o Chevrolet Corsa Classic de Marco invadiu a pista contrária e causou a colisão. Quando o Corpo de Bombeiros foi acionado, a criança ainda estava viva, mas quando chegaram, o coração de Matheus já não batia mais.



Entre lamentos e agradecimentos pelo apoio que tem recebido nas redes sociais, Erika mostra lembranças com o pequeno Gabriel. 



"Hoje o dia escureceu pra mim... Perdi meu bebê", escreveu Kuasne no Facebook quando soube que seu ex-marido cumpriu o que havia prometido de forma macabra.