Funcionário dos Correios é preso acusado de roubar mais de 200 objetos de correspondências

A Polícia Federal prendeu, na tarde de sábado (14), o gerente da agência dos Correios de Curicica, na Zona Oeste do Rio. O funcionário é acusado de subtrair mais de 200 objetos, causando um prejuízo de mais de R$ 400 mil. 



O funcionário foi preso em flagrante na porta da agência com uma mochila cheia de celulares e outros aparelhos eletrônicos, além de roupas. Segundo os policiais, os furtos aconteciam principalmente aos sábados, quando a agência tem um número reduzido de funcionários. 

Os Correios disseram em nota que a conduta do empregado em questão é inaceitável e está totalmente dissociada dos padrões e valores defendidos pelos Correios.



"A Empresa está colaborando com as autoridades, inclusive, a ação foi possível após apuração interna, que subsidiou os órgãos de segurança para o êxito do flagrante. Informamos ainda que já foi instaurado processo administrativo disciplinar para as devidas providências", diz a nota.