Drogado, ex-ator de Malhação ameaça matar o pai e pede para Bolsonaro entregar presidência a Lula

Sérgio Hondjakoff, que interpretou o marcante personagem Cabeção da série jovem Malhação, nos anos 1990, na TV Globo, fez uma live em seu Instagram durante o que parecia ser uma crise de abstinência de drogas. Nas imagens, o ator aparece bastante transtornado, e faz ameaças de morte ao próprio pai, Francisco José de Mendonça.

No vídeo ao vivo ele aparece pedindo a quantia de R$ 1 mil ao pai sob alegação de que precisa viajar para São Paulo. Revoltado, Sérgio diz que Francisco tem a obrigação de dar o valor para ele, e dispara a ameaça de morte.

"Fala, galera, beleza? Eu tô aqui pancadão e tá todo mundo aqui querendo me f****. Eu tô pedindo mil reais para o meu pai pra ir pra São Paulo e ele não quer me dar. Eles querem que eu seja internado contra a minha vontade porque eu dei uns 'tequinhos' e eu fico muito louco", começou o ator, visivelmente alucinado.

Na sequência, ele aparece em outra parte da casa e exibe um bastão em mãos. Seu pai tenta desviar da câmera do celular do ator enquanto Sérgio começa a fazer ameaças.

"Pai, se você não me der mil reais eu vou ser obrigado a te matar, né? Você prefere que você me dê mil reais ou que eu te mate? Você é obrigado a me dar mil reais", grita o ator ao ser ignorado pelo pai que não mostra o rosto.

Em um trecho da live, ele ainda tenta dar um "conselho" ao presidente da República, Jair Bolsonaro.

"Bolsonaro, deixa o Lula ganhar. Esse país nunca vai ter jeito... isso aqui é maldição", declarou.

Sérgio Hondjakoff ainda não se pronunciou sobre as ameaças. Nas redes sociais, seguidores pediam a internação do ator “antes que o pior aconteça”.

Internação

A luta de Sérgio Hondjakoff contra a dependência química se tornou pública em agosto de 2021, após o Ministério Público interditar uma clínica de reabilitação em Pindamonhangaba, no interior de São Paulo, que mantinha seus 46 pacientes em cárcere privado. Ao apresentar a lista dos internos, revelou-se o nome do ator.



Cuidado! Conteúdo sensível e com palavras de baixo calão proferidas pelo ator.