Última semana de vacinação contra gripe no Rio inclui todos grupos prioritários

Esta é a última semana da campanha de vacinação contra a gripe. A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro incluiu nesta grande mobilização de imunização todas as pessoas que fazem parte dos grupos prioritários. Não há intervalo entre a vacina contra a Covid-19 e a vacina contra a gripe, exceto para crianças de 5 a 11 anos de idade com comorbidade, que devem aguardar um período de 14 dias entre as vacinas.

As pessoas que forem aos postos de vacinação, devem levar um documento de identificação e caderneta de vacinação. Será preciso apresentar documento que comprove fazer parte dos grupos prioritários elencados pelo Ministério da Saúde, como laudo médico para a confirmação da comorbidade e documento funcional para os grupos profissionais atendidos. Consulte aqui qual é a sua unidade de referência.

Mesmo quem já tomou a vacina da gripe em anos anteriores deve receber nova dose em 2022, se estiver entre os grupos prioritários elencados. Seguindo orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS), o imunizante contra influenza é atualizado anualmente para proteger contra as cepas que mais circularam no Hemisfério Sul nos meses anteriores. A vacina ofertada pelo SUS este ano permanece trivalente, estimulando a imunidade contra uma linhagem de influenza B, a Victoria; e duas cepas de influenza A, a H1N1 e a H3N2 Darwin, que causou o surto no município do Rio no final do ano passado.



Encontre a unidade de saúde mais próxima para ser vacinado