Ator Milton Gonçalves morre no Rio aos 88 anos A TV brasileira perdeu hoje (30/05) o ator Milton Gonçalves. Ele morreu aos 88 anos, no Rio de Janeiro, em decorrência de complicações de um AVC, sofrido em 2020.

A família de Milton Gonçalves confirmou que o ator morreu por volta das 12h30, em casa.

Nos últimos dois anos, durante o tratamento, Milton ficou com a voz mais baixa que o normal e andava apenas de cadeira de rodas, pois sentia dificuldades na perna esquerda.

Trajetória
Milton Gonçalves nasceu em 9 de dezembro de 1933, em Monte Santo, em Minas Gerais. O ator estreou na TV Globo antes mesmo da inauguração da emissora, em 1965. Lá, ele fez mais de 40 novelas, atuou em programas humorísticos e minisséries de sucesso, como as primeiras versões de Irmãos Coragem (1970), A grande família (1972) e Escrava Isaura (1976).

As séries Carga pesada (1979) e Caso verdade (1982-1986) foram outros trabalhos de destaque do ator.

O artista foi indicado ao prêmio de melhor ator no Emmy Internacional pela atuação como Pai José na segunda versão da novela Sinhá Moça (2006). Ele foi o primeiro brasileiro a apresentar a premiação. Ao lado da atriz norte-americana Susan Sarandon; ele anunciou o prêmio de Melhor Programa Infanto-juvenil.

A última participação em novela de Milton Gonçalves foi em O Tempo Não Para (2018), interpretando o catador de material reciclável, Eliseu.